+55 11 5573-9539 contato@hiperidrose.com.br

Conclusão

A simpatectomia vídeo-toracoscópica tem se mostrado o único método eficaz para o tratamento definitivo da hiperidrose moderada e grave da palma das mãos, das axilas e cranio-facial. É o método de escolha, especialmente se outras opções terapêuticas já foram testadas, sem resultado satisfatório. Na nossa avaliação a aplicação da toxina botulínica é opção reservada a hiperidrose axilar, com resultados bastante sofríveis nos casos de hiperidrose palmar, crânio-facial e plantar.

 

mao

 

Com a experiência acumulada ao longo de muitos anos, ainda é fundamental a ser extensamente explicado e entendido pelo paciente o fenômeno chamado suor compensatório.

Evidentemente que o suor compensatório em muitos pacientes é inexistente ou muito pequeno. Vários pacientes referem sentir o suor compensatório porém isso pouco ou nada incomoda.

O ponto crucial que merece consideração são os casos de suor compensatório severo; hoje, felizmente, são muito mais raros do que eram em passado recente. Consideramos que a exata intensidade do suor compensatório é uma resposta biológica não totalmente previsível, mas atualmente melhoramos muito quanto a identificação dos fatores de risco de compensatória grave.

Tal avaliação nos permite identificar na avaliação pré-operatória aqueles pacientes  onde existe o risco de suor compensatório severo após a operação.  Assim, hoje é possível selecionar os pacientes onde se espera maior benefício com o tratamento cirúrgico. Além disso, esse conhecimento possibilitou melhora significativa dos resultados, sendo atualmente incorporadas diversas modificações técnicas. Acreditamos que hoje realizamos operações mais eficazes e com muito menos suor compensatório do que em passado recente.